Quando entrei na Movile, lá no que parece ser um ano tão longínquo, 2016. Eu já havia passado por diversas experiências de mercado, seja no universo da tecnologia, operando maquinário pesado em uma fábrica automotiva, ou até mesmo vendendo cursos de inglês. Eu nunca fui do tipo de tremer na base e fazer algo novo, mas a Movile está aí para nos surpreender, e comigo não foi diferente.

Logo após alguns meses trabalhando com projetos locais, ocorreu uma reestruturação grande em todo o time B2C, um revival para a inovação, desenvolvimento de novas tecnologias e busca por novos mercados. Nesse período, se iniciou o desenvolvimento dos premiados e consolidados bots e outros produtos que já impactam a vida de milhões de pessoas. No meio de todas essas mudanças eu recebi um convite interessante: deixar de atuar diretamente em produto para trabalhar em uma função um pouco diferente, falando outro idioma e com uma equipe distinta. Tudo isso era muito novo para eu entender onde estava me metendo, mas como nunca fui de dizer não para novos desafios, concordei na hora. A proposta era trabalhar em uma equipe chamada de Latam Cross, com o papel de buscar maior integração entre os escritórios da Movile localizados em diversos países da América Latina, para compartilhar padrões de crescimento e encontrar meios de desenvolver produtos globais, que impactassem vidas em toda a região, e em todo o mundo.

A primeira barreira que tive de enfrentar logo de cara foi o idioma, reuniões constantes com equipes espalhadas na Argentina, Colômbia, Venezuela e México. Não demorou muito para perceber que aquela frase que “todo brasileiro fala um pouco de espanhol” é na verdade pura balela. Perdi a conta das reuniões onde falei barbaridades, por cair na armadilha dos falsos cognatos, ou das vezes que tinha de gravar reuniões inteiras em áudio só para ouvir depois, lentamente, e ter uma compreensão completa do que foi falado.

Após alguns meses nesse ritmo, o desafio ficou ainda mais sério, meu gestor me pediu para passar duas semanas no escritório da Movile em Buenos Aires, para ter uma imersão na cultura e rotina de trabalho com os Movilianos Argentinos. E foi assim que me vi numa segunda-feira fria, entrando no escritório da Movile Argentina, ainda sem dominar o idioma, me preparando para duas semanas que iriam mudar minha vida.

Todos os dias daquela semana, trabalhei lado a lado com profissionais incríveis, entendendo cada desafio, buscando soluções e inovação. Todas as noites eu fazia aulas de espanhol em uma escola próxima ao escritório. Minha opção era: dominar o idioma ou dominar o idioma.

A segunda barreira foram as diferenças culturas, desde o cenário político que a Venezuela estava passando na época, até alterações de dinâmica de mercado no México. A cada semana, ia aprendendo e trabalhando lado a lado com cada equipe para encontrar opções criativas para contornar bloqueios, como aproveitar oportunidades de negócio desenvolvidas de um país para outro, e nesse processo acabei me envolvendo muito com parceiros regionais, entre eles, a Disney.

Depois de alguns meses, surgiu outra oportunidade de imersão, dessa vez o desafio foi trabalhar duas semanas na Movile México, que passava por uma grande reestruturação. Tive a chance  de trabalhar lado a lado com profissionais incríveis, participar da concepção de novos produtos, novos negócios e viver dias únicos.

Com o passar dos meses, o papel da equipe Latam Cross foi concluído com sucesso. Os times da Wavy estavam mais integrados do que nunca, soluções compartilhadas e oportunidades de negócio surgindo em cada canto do continente Sul-americano.

Depois de todo o processo, acabei voltando para o dia a dia de produto. Aproveitando todo o conhecimento adquirido nessa experiência regional, acabei tocando as tarefas de produto da parceria entre Movile e Disney. Hoje em dia, trabalho em contato diário com os times de produto e desenvolvimento de toda a América Latina e continuo aprendendo muito e já espero ansioso pelo próximo grande desafio. Porque aqui na Movile quando alguém apresenta um desafio grande, ele é continental.

 

A creative and passionate professional, focused on the development of new interactive interfaces for customers and brands interaction. Large history in digital project management, from planning to delivery.
Four years of experience working with mobile marketing and content, mobile sites and apps, always working closely with the client, agencies, developers and users.
A Multitasking professional with large experience in UX, UI and graphic design. Self-learner, always hungry to learn more, and an illustrator in his spare time.

Posted by:Nuno Junior

A creative and passionate professional, focused on the development of new interactive interfaces for customers and brands interaction. Large history in digital project management, from planning to delivery. Four years of experience working with mobile marketing and content, mobile sites and apps, always working closely with the client, agencies, developers and users. A Multitasking professional with large experience in UX, UI and graphic design. Self-learner, always hungry to learn more, and an illustrator in his spare time.

Deixe seu comentário