A área de tech é uma das mais aquecidas atualmente. As coisas estão mudando a todo momento, novas tecnologias e posições surgem constantemente e a busca por profissionais é cada vez maior. Paralelo a isso, vemos que os desenvolvedores e desenvolvedoras do mercado lutam diariamente para se atualizar, entender as novidades e continuar atuando com a tecnologia que está em alta e/ou é mais efetiva no momento. Esse é um desafio que tem se tornado cada vez maior!

Pensando nisso, conversamos com três CTOs do Grupo Movile e coletamos dicas para você, que quer acelerar sua carreira e se manter sempre atualizado e gerando impacto! Confira:

Participar de projetos relevantes

De acordo com o  CTO da Wavy, Daniel Santos, “envolver-se com a comunidade Open Source e contribuir em projetos de relevância como ActiveMQ, Cassandra, HornetQ é um dos requisitos para se especializar ainda mais. Isso pode ser feito quando se busca conhecer o código fonte do projeto e os principais contribuidores, além de atuar reportando e corrigindo bugs que possam ter passado despercebidos no código”. Mas o conhecimento técnico por si só não é suficiente: mais importante ainda é que vejam o resultado desse seu trabalho e você comece a ser notado. Para Daniel, “para ser reconhecido é necessário participar de eventos onde a comunidade do software em questão tem interesse, submetendo talks com a sua arquitetura e casos de uso”.

Entender como funciona o macro

Algo que pode passar despercebido durante seu trabalho é a importância do macro. O CTO do iFood, Flávio Stecca, afirma que “o mais importante será observar tudo o que está acontecendo na empresa, incluindo marketing, como a empresa ganha dinheiro e como o trabalho dela está impactando as pessoas”. A visão do negócio como um todo permitirá ao profissional saber em que ele deve intervir e quais pessoas irão ajudá-lo a melhorar algum ponto do projeto. Tudo isso só será possível também caso “a pessoa esteja sempre disposta a aprender e absorver o máximo de informação e conhecimento possível, características fundamentais de um(a) desenvolvedor(a) curioso(a) e com boa base computacional”.  

Torne-se “obsoleto”

Uma característica em comum que percebemos nos desenvolvedores de software é a de estarem habituados a trabalhar para automatizar processos, algo que acaba por tornar as tarefas manuais de todos obsoletas, porém traz inovação e mais agilidade aos processos existentes da empresa. Rodrigo Miranda, CTO da Zoop, afirma que “os(as) desenvolvedores(as) precisam estar sempre crescendo no ritmo acelerado que a tecnologia pede e que tornem-se obsoletos”. Isso não quer dizer que possam ser esquecidos ou perderem seu emprego, mas sim que estarão sempre tentando melhorar a si mesmos e a sua versão do dia anterior estará sempre sendo renovada por uma melhor, com mais conhecimento técnico do que antes.

Como você percebeu, as dicas dos nossos CTO’s envolvem aumentar o escopo de sua atuação no trabalho e continuar buscando a melhoria de forma contínua e acelerada para acompanhar tudo que acontece na sua área. Mas além disso, é importante que se aproxime do negócio, converse com outras áreas e faça testes constantes para entender mais sobre realidades diversas e validar o que funciona e, o que não funciona.

Se esse tipo de assunto te interessa e você quer continuar aprendendo mais, não deixe de conferir esses outros artigos que separamos:

Posted by:Camila Monteiro

Deixe seu comentário